Datas-chave

História da escola

Histórico da EFM

1979: Criação da escola por iniciativa dos pais dos alunos.
Ela funcionava na garagem do SCAC (Serviços de Cooperação e de Acção Cultural) para o ensino elementar (primário) e em casa dos pais dos alunos para o ensino secundário.

1984: Compra de uma antiga escola portuguesa: os 65 alunos foram reagrupados num mesmo local em espaços adaptados. Só a maternelle (ensino pré-primário) continuava a funcionar em 2 pavilhões num terreno cedido pelo Cônsul de França.

1989: Homologação pelo Ministério da Educação Nacional francês para as turmas do ensino primário.

1991: Assinatura da convenção com a AEFE (Agência de Ensino Francês no Estrangeiro)

1993: Graças a uma subvenção acordada pela AEFE e com fundos próprios, a Associação de Pais dos Alunos constrói um edifício.

1997: Devido ao aumento de efetivos, aluguer de salas suplementares no Centro Cultural Franco-Moçambicano (CCFM) para os alunos do colégio.

1999: É cedido um terreno à APE pelo Presidente da Câmara de Maputo. Construção das instalações atuais até 2002.

2002: Abertura da nova escola (instalações atuais)

2005: Homologação para a 6ème e 5ème.

2013:Homologação para a 4ème.

2014: Homologação para a 3ème.

2014: Trabalhos de extensão das instalações. Novo polo colégio-liceu e administração.