Aefe

COVID-19 FERMETURE DE l’ETABLISSEMENT-LUNDI 23 MARS

Comunicado de imprensa COVID-19 à 14 de Março de 2020

A unidade de crise que reuniu-se este sábado de manhã na presença de representantes do Conselho de Administração e da Embaixada da França e definiu um plano de acção global com 3 níveis de protecção (ver o plano em anexo). As medidas apresentadas podem ser alteradas de acordo com as decisões tomadas pelas autoridades moçambicanas.

Estamos actualmente no primeiro nível, o que obriga-nos a aplicar rigorosamente as seguintes medidas:

Aplicar medidas rigorosas de higiene (lavagem das mãos para os pais, alunos e visitantes que entram na escola, desinfecção das mesas e as pegas das portas, uso de máscaras para o pessoal da cantina, sem contacto físico...).
Auto-quarentena de 14 dias para todos os viajantes vindos das zonas identificadas (mais de 1000 casos confirmados e/ou infecção de mais de 100 casos em dois dias consecutivos): Referência : https://www.worldometers.info/coronavirus/
As familias ou funcionários que partilham o alojamento com uma pessoa em quarentena, devem todos ficar em casa.
Recusa de admissão ao estabelecimento de funcionários e alunos se tiverem sintomas de febre e tosse.
Suspensão de viagens para fora do país para os alunos e funcionários.
Só os pais do jardim de infância poderão ter acesso à escola, os outros não poderão passar as portas de acesso ao hall de entrada. A partir de terça-feira, será organizado o acesso pelos portões do jardim de infância. Os outros pais só poderão ser recebidos por marcação.
Proibir encontros de adultos no recinto escolar.

Por estas razões, adiamos o Baile “Musette” e propômos um sistema de encontros de pais/professores por marcação.

Estas medidas serão completadas sempre que necessário.

O segundo nível, uma pessoa doente confirmada, presente no território moçambicano, envolverá, para além das medidas do nível 1:

Contrôle de temperatura e após aconselhamento médico, enviar os funcionários e alunos para casa.
Proibir o acesso aos portões do hall para os pais que recolhem os seus filhos no exterior.

(encerramento do acesso de veículos).

Os pais do jardim-de-infância deixarão os seus filhos em frente ao portão do jardim-de-infância.
Proibir todos os movimentos fora do estabelecimento.

O terceiro nível, que caracteriza-se por uma transmissão local comprovada em Moçambique ou um caso comprovado na comunidade educativa, levará ao encerramento do estabelecimento por decisão do Embaixador da França.

A Direcção e os professores, com o apoio dos serviços pedagógicos da AEFE e do Centro Nacional de Educação por Correspondência (CNED), já estão a preparar a implementação do ensino à distância que será baseado de forma digital.

Voltaremos em breve para apresentar-vos as modalidades deste dispositivo.

 19/03/2020
 http://efmaputo.fr/communique-covid-19-au-4-mars-2020.html